(11) 3571.0757
(11) 2359.0300
(11) 98257.7752



Cinco lições sobre o pequeno mundo dos negócios

dt.common.streams.StreamServerNão importa quais sejam as suas expectativas, saiba que alguma coisa vai dar errado, então seja flexível e mantenha o senso de humor

Durante os primeiros anos no mundo dos negócios, os empreendedores são obrigados a aprender algumas duras lições. Algumas delas são dolorosas e custam dinheiro, outras acabam afastando os empreendedores de seus objetivos. mas no final das contas, não há dúvidas de que todas elas os tornam mais fortes. A colunista do site Entrepreneur, Katherine Keller, listou as cinco lições mais importantes que aprendeu durante sua jornada para alertar os novos empreendedores sobre os obstáculos e surpresas que, inevitavelmente, se colocam no caminho de todo empresário.

 1. Todo mundo começa do zero

Eu tenho mais oportunidades hoje do que eu tinha há cinco anos porque eu construí um negócio do zero. Eu percorri alguns passos pequenos, mas consistentes, que permitiram que eu construísse minha rede de contatos e ganhasse confiança deles com o tempo. Não espere conseguir tudo da noite para o dia, ou você ficará frustrado.

Muitas vezes eu olhei para outros empreendedores e pensei “Nunca conseguirei ser tão popular, simpático e profissional como eles”. Refletindo sobre isso hoje, eu percebo que a questão não era que eu não poderia ser eles, mas que eu não poderia ser eles naquele momento.

2. Consistência é o segredo

Você deve preservar o compromisso que tem com seus colegas, não importa se eles sejam dois ou dois mil. Quase toda semana, eu me pergunto “Com que frequência?”. Com que frequência eu devo postar nas redes sociais? Com que frequência eu devo escrever no meu blog? Com que frequência eu devo enviar uma newsletter? Minha resposta é sempre a mesma: com a maior frequência que você puder, desde que forneça conteúdo de qualidade para os seus seguidores. Eu preferiria ver uma pessoa criar um post de blog matador a ver uma pessoa criar cinco posts medíocres.

Se você escreve um post ruim ou faz uma gravação medíocre, e seus seguidores ficam desapontados, eles podem te dar uma segunda ou até mesmo uma terceira chance, mas eles relutarão em colocar a reputação deles em risco para recomendar você e seus serviços.

3. Espere o inesperado

Acontece com todo mundo. No exato momento em que você se compromete a alcançar um objetivo, milhares de problemas e obstáculos aparecem.

Quando comecei, um dos meus maiores problemas era que eu planejava tudo meticulosamente. Eu levava uma eternidade para decidir enfrentar um projeto novo ou um negócio de risco porque eu tinha que planejá-lo por completo, do início ao fim. Mentalmente, eu tinha que repassar todos os problemas que potencialmente eu poderia enfrentar e descobrir como poderia resolver todas essas questões antes mesmo delas acontecerem. É bom analisar as fraquezas, as oportunidades, os riscos, mas minhas análises me impediam de seguir em frente.

Imagina a minha surpresa quando eu me deparei com uma situação totalmente diferente da qual eu tinha detalhadamente planejado uma semana antes. O fato é que enquanto me sentia um fracasso total, meus colegas e concorrentes seguiam em frente atacando os problemas à medida que eles apareciam.

O que eu estou dizendo é que você deve ter uma coisa em mente: não importa quais sejam as suas expectativas, saiba que alguma coisa vai dar errado. Seja flexível e mantenha o senso de humor. Não é o fim do mundo.

4. Você não consegue agradar todo mundo

Tentar agradar todo mundo vai manter seu negócio na mediocridade. Eu irritei pessoas, feri seus sentimentos, e fui acusada de me importar apenas com dinheiro. Por outro lado, recebi incontáveis e maravilhosos testemunhos de todos os lugares do mundo que me emocionaram.

Mantenha-se firme, mesmo que as outras pessoas discordem de suas ações. Não importa o quão difícil isso seja, apenas aceite o fato de que você vai deixar pessoas enfurecidas durante o caminho.

5. Aprenda, adapte-se, mude

Não há nenhum problema em mudar de direção. A jornada dos negócios não se dá em um caminho claramente pavimentado com placas apontado para qual direção seguir. Novamente, seja flexível e entenda que negócios é um organismo em constante mudança que cresce em um mundo que está em constante mudança. O que funcionou no ano passado pode não funcionar este ano.

Por Brasil Econômico